VIOLENTO (Bienal SESC de Dança)

por Preto Amparo, Alexandre de Sena, Grazi Medrado e Pablo Bernardo

performance | Dança Contemporânea

No título do solo, após a palavra violento; há um ponto final. Pode parecer um detalhe, mas mostra onde inicia a discussão colocada em cena pelo ator mineiro Preto Amparo. “O corpo masculino negro sempre foi visto e retratado como ‘violento e ponto final’. Essa leitura colonizada ainda hoje ratifica várias violências e agressões como hiperssexualização, encarceramento em massa e violência policial”, expõe o performer, que partiu principalmente de sua vivência para criar este trabalho em 2016. Além de conter a experiência de Amparo, o espetáculo dirigido por Alexandre de Sena tem como referência propostas negras visuais de Alma no Olho, curta-metragem do cineasta Zózimo Bulbul, e partituras corporais do hip-hop e do house. A musicalidade de Naná Vasconcelos e Adão Dãxalebaradã e os escritos do psiquiatra e filósofo francês Frantz Fanon também serviram de inspiração. A ideia é desnudar, de forma poética, o racismo estrutural existente no cotidiano brasileiro e criar um diálogo com a ancestralidade e com a vida do jovem negro urbano. O corpo do performer constrói narrativas buscando descolonizar os caminhos impostos e construir uma nova leitura social e cênica.


Atuação: Preto Amparo | Direção: Alexandre de Sena | Dramaturgia: Alexandre de Sena e Preto Amparo | Produção: Grazi Medrado | Registro em foto e vídeo: Pablo Bernardo | Assessoria dramatúrgica: Aline Vila Real | Preparação corporal: Wallison Culu/Cia. Fusion de Danças Urbanas | Assessoria para trilha sonora: Barulhista.

  • De 19/09/2019 até 20/09/2019
  • Quinta-feira: 20:00 - 20:50
  • Sexta-feira: 20:00 - 20:50
  • De R$ 9,00 à R$ 30,00
  • 16 anos
  • Telefone: (19) 3737-1500
  • Website: https://bienaldedanca.sescsp.org.br/
  • Local: SESC Campinas
  • Endereço: Rua Dom José I, 270, bairro Bonfim, Campinas-SP
  • Acessibilidade: Sim
Entre em contato