Para se ver o que é possível (2º Dança se Move Ocupa)

por Letícia Sekito | Companhia Flutuante

espetáculo | Dança Contemporânea

Pesquisa artística que acontece desde 2016, realizada em residências nas cidades de São Paulo, Florianópolis e Lisboa, este “Para se ver o que é possível”, criado especificamente para a 2a Ocupação Dança se Move, é uma prática urgente em favor da dança como forma vital, necessária e possível a todxs. 


Pesquisa e performance: Leticia Sekito|Companhia Flutuante | Parcerias: Beto de Faria, Elisabete Finger, Estela Lapponi, Fernanda Raquel, Gil Grossi, José Renato M Fonseca, Júlia Bergman, Inês Corrêa, Maíra Silvestre, Manuel Pessoa Lima, Mariana Viana, Mônica Siedler, Paula Nogueira Ramos, Paula Viana, Peter Michael Dietz, Plinio Higuti, Rodrigo Gontijo, Rubia Braga, Sofia Neuparth, Suiá  Burger Ferlauto, Ramiro Murillo, Valentina Parraviccini,  Cais Produção Cultural, CEO - Centro de Estudos Orientais, Projeto Cartografia do Possível-CRD, Terça Aberta no Kasulo.

Entre em contato
Localização