Interpéries

por Pedro Penuela

espetáculo | Dança Contemporânea

Perdem-se amores. Morrem sonhos e utopias. As ruínas e entulhos parecem sobrepor-se. Ficam sementes? Aquilo que se perdeu morre de fato? O que são os fragmentos que restam? "Intempérie" procura elaborar poeticamente a condição de ser atravessado e transformado por forças de magnitudes diversas (das imensas às microscópicas) e constituído por seus rastros, fragmentos e potências.

Concepção, criação e performance: Pedro Penuela | Direção: Eliana de Santana | Desenho de luz e Fotografia: Hernandes de Oliveira | Colaboração: Gabriel Pessotto I Classificação: Livre | Duração: 40 minutos


Entre em contato
Localização