Bruxa preta em RE-TOMADA – Travessia cinematográfica de dança

por Luzinete Silva

Evento | Todos os estilos de dança

Estreia sexta-feira dia 27 de agosto de 2021 às 20h

Temporada de 27 de agosto a 19 de setembro

Exibições e bate-papos: Sexta-feira e Domingo às 20h

Travessias: Sábado às 20h

Youtube: canal Bruxa preta em RE-TOMADA

Duração: 50 minutos

Classificação livre

Grátis


TEMPORADA de 27/ago a 19/set

Exibições AO VIVO da obra às sextas e domingos, às 20h

Travessias (conversas online AO VIVO com convidades) aos sábados às 20h


PROGRAMAÇÃO - BRUXA PRETA EM RE-TOMADA 2021- TEMPORADA DE EXIBIÇÃO

- Exibições semanais às 20h no nosso canal no Youtube + bate-papos no Instagram após a exibição.

- Travessia: conversas com convidades especiais que fazem parte dessa história, também às 20h, na nossa página do Facebook.


SEMANA ⓵ ESTRÉIA

27/08 Sexta-feira | EXIBIÇÃO + bate-papo

28/08 Sábado | Travessia 1 - MÃOS À TERRA com Fabiano Maranhão e Rafaela Kozlowski

29/08 Domingo | EXIBIÇÃO + bate-papo com público de Araraquara


SEMANA ⓶

03/09 Sexta-feira | EXIBIÇÃO + bate-papo

04/09 Sábado | Travessia 2 - CAMINHO DE NASCENTES com Natalia Rocha e Nerita Pio

05/09 Domingo | EXIBIÇÃO + bate-papo com público de Ibaté


SEMANA ⓷

10/09 Sexta-feira | EXIBIÇÃO + bate-papo

11/09 Sábado | Travessia 3 - DE SOL A SOL com Ciça Coutinho e Jaqueline Viana de Jesus

12/09 Domingo | EXIBIÇÃO + bate-papo com público de Ibitinga


SEMANA ⓸

17/09 Sexta-feira | EXIBIÇÃO + bate-papo

18/09 Sábado | Travessia 4 - RODA (GIRA) MOINHOS com Daniela Guimarães e Carlos Fonseca

19/09 Domingo | EXIBIÇÃO + bate-papo bate-papo com público de São Carlos


Por meio do Ministério do Turismo, Secretaria Especial da Cultura, Lei Aldir Blanc, Governo do Estado de São Paulo, Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, um projeto contemplado pelo PROAC Expresso LAB, apresentamos:

“BRUXA PRETA EM RE-TOMADA – Travessia cinematográfica de dança” um experimento-híbrido online que surge a partir da trajetória de dança do corpo em movimento de Luzinete Silva. Ela é um pouco de cada uma de nós. Feministas, negras, indígenas juntando as mãos nessa re-tomada de poder.

A pesquisa e montagem da obra foi realizada ao longo de 1 ano por uma equipe de artistas araraquarenses. A montagem autoral é sobre a figura da mulher que retoma seu lugar de existência no mundo hoje. Ao longo da travessia, refletindo sobre as urgências políticas da atualidade, as raízes de Luzinete vão brotando a cada cena.

“É como se eu tivesse passado por muitas vidas e lugares, e a dança fosse meu punhal, minha espada, minha faca, minha arma”. Luzinete Silva


A pesquisa

O tema central da criação cênica de “BRUXA PRETA EM RE-TOMADA – Travessia cinematográfica de dança”, almeja valorizar a produção de narrativas feministas, negras e indígenas, em uma re-tomada de poder simbólico na atualidade. A fim de falar dessa pluralidade de existências, a maturidade de Luzinete Silva traz a urgência da dançar enquanto ato político, o que se desdobra na inquietação de como essa mulher pode dialogar com tantas outras mulheres partindo da sua própria biografia.

Referências como Leda Maria Martins, Ailton Krenak, dentre outras pesquisas decoloniais, se entrelaçam às obras de Rosana Paulino como fonte de inspiração para as experimentações corporais de Luzinete Silva. O registro do corpo em vídeo, cria danças, palavras, sonoridades, cenários, na busca por perpetuar dimensões ancestrais envolvidas por nossas vivências de hoje. A retomada aqui constrói sujeitos protagonistas pelo corpo em movimento, enquanto espelhos de suas comunidades, para existir e resistir em um exercício de liberdade.

Afinal, "BRUXA PRETA EM RE-TOMADA – Travessia cinematográfica de dança” é uma videodança, um filme de dança, um web espetáculo? As pesquisas abriram espaço para o experimental, para a dúvida, desdobrando tais questões também para quem assiste. A escolha por experimento-híbrido de dança surge do chão riscado, de atravessamentos, de cruzamentos para propor distintas formas de fazer artístico a partir do encontro.

A atmosfera de um universo pós apocalíptico insere na cena registros de locais da cidade de Araraquara, revelando a cada detalhe diferentes perspectivas para cenários cotidianos. Assim, a equipe define: “BRUXA PRETA EM RE-TOMADA – Travessia cinematográfica de dança”, aglomera, de forma digital, nossas ideias, anseios e potências criativas nas linguagens de dança, cinema e teatro, a fim de compartilhar o poder de nossas vozes, dos nossos corpos e das nossas histórias.


Equipe araraquarense

A obra surge em comemoração aos 40 anos de vida da bailarina, coreógrafa e diretora araraquarense, também de sua carreira, resistência artística e seu constante diálogo com outros artistas da cena independente na cidade de Araraquara, interior de São Paulo. O experimento-híbrido de dança, idealizado por Luzinete Silva, ganhou vida a partir do encontro dela com o cineasta Guilherme Bonini e com o ator e diretor teatral Adriano Reali, sob a orientação das provocações de Denny Neves, professor e coreógrafo baiano.

A partir daí, almejando a criação de um experimento que conecte, de maneira sensível e poética, público e artista, Luzinete reuniu uma equipe plural de artistas araraquarenses, para compor “BRUXA PRETA EM RE-TOMADA – Travessia cinematográfica de dança”. Sem perder de vista o presente contexto político social da pandemia da COVID-19, o processo de criação olhou com responsabilidade para as medidas sanitárias e de distanciamento social, escolhendo o palco online para compartilhar essa jornada.


Temporada

“BRUXA PRETA EM RE-TOMADA – Travessia Cinematográfica de dança” terá 8 exibições online AO VIVO no canal do projeto no Youtube. A temporada online será no período de 27 de agosto a 19 de setembro, com exibições seguidas de conversas com o público, às sextas-feiras e aos domingos, sempre às 20 horas. Para maior acessibilidade, a obra será exibida também em versões com audiodescrição e interpretação em libras, nas datas de 17 e 19 setembro. 

O cenário interiorano da região de Araraquara é de grande influência afetiva à carreira de Luzinete Silva. Além da nossa morada do sol, os municípios de Ibaté, São Carlos e Ibitinga fazem parte da trajetória da bailarina e coreógrafa. Assim, aos domingos, a temporada vai passar, de forma virtual, por tais cidades. Com o apoio de artistas locais será realizada uma divulgação especial e um bate-papo voltado à troca cultural com o público desses lugares que fizeram parte da formação da artista.


Conversas ao vivo: TRAVESSIAS

Além das exibições, aos sábados às 20h, estão programados também quatro encontros virtuais ao vivo, as TRAVESSIAS, para conversar sobre temas que atravessaram as pesquisas de “Bruxa preta em RE-TOMADA – Travessia Cinematográfica de dança” e também se desdobram de forma urgente na nossa sociedade.

Chegam para as TRAVESSIAS: dia 28 de agosto, Fabiano Maranhão (educador e gerente de programas sociais) e Rafaela Kozlowski – (psicóloga e educadora); no dia 04 de setembro, Natalia Rocha (artista com deficiência visual e professora) e Nerita Pio (arte- educadora e atriz); em 11 de setembro, Ciça Coutinho (artista e educadora corporal) e Jaqueline Viana de Jesus (bailarina), e em 18 de setembro, Daniela Guimarães (artista da dança, improvisadora e professora) e Carlos Fonseca (bailarino, professor e gestor público).


Bruxa Preta em RE-TOMADA - Travessia cinematográfica de dança

SINOPSE

“Bruxa preta em RE-TOMADA – Travessia cinematográfica de dança” é um espetáculo- experimento digital. Em cena: bruxas, curandeiras, guerreiras, feministas habitam o corpo negro feminino em uma jornada de transformações. Dançam em denúncia. É o levante de lutas por territórios e existências, na batalha pela re-tomada de suas próprias histórias. Luzinete Silva nos convida ao agora, em conexão com a terra, cavando a si mesma junto às raízes e rituais da ancestralidade afro-brasileira e indígena. No chão híbrido das telas cibernéticas, a mulher dança, e se faz dança em comunidade, em um plugar de memórias e trajetórias.


Mais informações nas redes sociais da BRUXA PRETA EM RE-TOMADA.

Facebook.com/bruxapretaemretomada

Instagram @bruxapretaemretomada

Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCwAExCDuUx7uhthnqluoa4A


Ficha técnica

Direção, coreografia, interpretação e argumento: LUZINETE SILVA

Assistente de direção e de coreografia: SABRINA KELLY

Trabalho criado em processo colaborativo pela equipe: LUZINETE SILVA, ADRIANO

REALI, DENNY NEVES e GUILHERME BONINI

Provocação cênica: DENNY NEVES

Dramaturgia corporal, figurino e maquiagem: ADRIANO REALI

Cenografia: RAQUEL BONAZZI

Videomaker e roteiro: GUILHERME BONINI

Assistente de câmera: LUCAS TANNURI

Operadora de drone: CRIS BERTOZZI

Trilha Sonora: LUCIANO SALLES

Desenho de som: WISLEY LUIZ

Making of: JANAÍNA NOGUEIRA

Identidade visual: MARINA AMARAL

Coordenação de Comunicação: KHÁRENN CASTRO

Produção executiva: ALEXANDRE JULIANETTI

Produção: ALINE LOPES

Coordenação de Produção do Projeto: LUZINETE SILVA

  • De 27/08/2021 até 19/09/2021
  • Domingo: 20:00 - 21:00
  • Sexta-feira: 20:00 - 21:00
  • Sábado: 20:00 - 21:00
  • Entrada gratuita
  • livre
  • Website: https://www.instagram.com/bruxapretaemretomada/
  • Local: Online
  • Endereço: Online,
  • Acessibilidade: Não