AVOAPÉ

por Rodrigo Alcântara

espetáculo | Todos os estilos de dança

[ESTREIA] sáb, 07 de Agosto - às 20h

dom, 08 de Agosto - às 20h


sáb, 04 de Setembro - às 20h

dom, 05 de Setembro - às 20h


sáb, 16 de Outubro - às 20h

dom, 17 de Outubro - às 20h


sáb, 06 de Novembro - às 20h

dom, 07 de Novembro - às 20h


sáb, 04 de Dezembro - às 20h

dom, 05 de Dezembro - às 20h


Ingressos: https://www.sympla.com.br/avoape---diario-de-um-certo-artista-duca-2021__1298730

Valor: R$ 20,00


O espetáculo Avoapé conta os desafios da pandemia e a aridez da vida do trabalhador brasileiro. Através da dança híbrida e da poesia, Rodrigo Alcântara nos conta a história de tantas e tantas pessoas, que lutam nesse momento contra ainda mais adversidades e desamparo social.

O espetáculo é a continuidade da pesquisa cênica do projeto Diário de Um Certo Artista, iniciada em 2019. Para a criação da obra de 2021, o Coletivo Diário se aprofundou na cena Currículo, refletindo sobre os caminhos que se abrem e se fecham o tempo todo para quem não tem o exigido pelo sistema. 

E, com a pandemia, a burocratização e o não acesso se potencializam. O profissional deixa seu antigo currículo de lado para rascunhar novas habilidades e vivências. Profissionais esses que se redescobrem para transformar o antigo e se adaptar ao novo normal. Resistindo, lutando e enfrentando.

Entre folhas, flores e tropeços, Rodrigo segue trilhando os caminhos que reivindica para todes nós e clamando por Njila, pelas Yabás, por suas ancestrais vivas e por seus irmãos da terra. Entre agonias e pandemias, o artista segue resistindo de dentro de casa, das ruas, dos terraços e dos espaços entre artistas independentes. Trilhando seu caminho, um pé atrás do outro, até voltar a alçar voo.

Avoapé nasce e se potencializa a partir das colaborações artísticas periféricas, contando com a participação dos bailarinos Terená Kanouté, Irupe Sarmiento, Sofia Serafim e Rafael Oliveira, e trilha sonora de Clarianas.


Ficha técnica: 

Direção Geral: Rodrigo Alcântara

Produção Executiva: Camila Silva

Produção Operacional: Ellen Vitalino

Assistente de produção: Iolanda Costa

Produção Audiovisual: Olhares de Guiné

Captação de imagem: Camila Silva, Olhares de Guiné e Victor Godoi

Direção de Arte: Rodrigo Alcântara e Camila Silva

Operação de Drone: Victor Godoi

Iluminação: Fernanda Guedella

Trilha sonora: Clarianas

Edição de trilha: Vito Velasso

Áudio descrição: Leonardo Stephens

Libras: Rodrigo Antônio

Bailarinos convidados:

Irupé Sarmiento

Terena Kanouté

Rafael Oliveira

Sofia Serafim

Tiago Reis

Desenho Coreográfico: Hermano Cioruci

Poema “Sempre Nordestina”: Jô Freitas

Design de Aparência: Iolanda Costa e Power Tranças

Maquiagem: Aline Cristina

Adereço de Cabelo: Io Costa

Criação de Figurino: Rodrigo Alcântara

Confecção de Figurino: Nina Silva

Design Gráfico: Julia sousa

Segurança: Ariovaldo Luis de Freitas